O tucano João Castelo dificilmente conseguirá levar à frente sua candidatura a prefeito de São Luís. Numa rápida consulta feita pela coluna a quatro desembargadores, todos foram unânimes em afirmar que Castelo não será candidato.

Sem se pronunciarem oficialmente, os quatro magistrados lembraram que no Maranhão existem três jurisprudências. Duas das mais conhecidas: a inelegibilidade de Remi Trinta e do candidato do PSTU, Marcos Silva, pelas mesmas razões que levaram o PDT de Clodomir Paz a pedir a impugnação de João Castelo.

Os magistrados acham que a coligação de Castelo perde tempo ao querer forçar as barras da lei.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.