Deputados federais da bancada maranhense começaram a defender a escolha do nome do senador Edison Lobão para o Ministério de Minas e Energia que vinha sendo duramente criticada por setores da imprensa do Sul e do Maranhão. “A ida de Lobão para o ministério é positivo para o nosso Estado”, avalia o deputado Sebastião Madeira, do PSDB. “Temos que nos unir políticos e empresário, para que Lobão faça excelente trabalho como ministro e que o Maranhão possa aproveitar a sua presença no ministério”, conclamou Waldir Maranhão, do PP.

Depois de perceber que a campanha contra Lobão era sórdida e discriminatória pela imprensa do Sul e equivocada pela imprensa maranhense, deputados estão saindo em defesa do senador.

“Não é porque o senador pertence a outro grupo (político) que vamos ficar contra ele. A ida de Lobão para o ministério é positivo para o Maranhão. Numa hora dessas, temos de esquecer o passionalismo e deixar as questões políticas de lado”, declarou Sebastião Madeira. Para o deputado tucano, Lobão “sempre foi um cidadão correto e temos é de torcer para ele assumir o ministério”. Fazendo coro com o colega parlamentar, Waldir Maranhão alertou que oportunidades como essas e no momento que o Maranhão busca o crescimento não devem passar. “É preciso que estejamos fortes e coesos para ajudar o futuro ministro a trabalhar, não só pelo país, mas notadamente pelo Maranhão”, ressaltou o deputado.

O deputado do PP informou que assumir que Lobão assumir a vaga de ministro irá pedir, em audiência, a construção de uma usina de biodiesel na cidade de Chapadinha com o objetivo de atender o mercado local, assim com vistas à exportação. “É um empreendimento que vai gerar mais de 50 mil empregos diretos e indiretos, oportunizando o Maranhão a crescer”, confia o deputado.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.