Pela segunda vez a Assembléia Legislativa pode ter um evangélico no seu comando. O primeiro foi o deputado Enoc Vieira ( 1979/1980). De lá para cá, a maioria de católicos e dois ateus.

Podem disputar o cargo, no final de 2008, os evangélicos Pavão Filho e Edivaldo Holanda, mas tem um ateu que não pode ter seu nome menosprezado na disputa. É parente de importante político sem mandato.

Evangélicos na disputa II

Coincidentemente, os mesmos deputados evangélicos, Pavão Filho e Edivaldo Holanda, têm os nomes cotados para a secretaria de Educação, sendo o do primeiro com mais chances.

Pavão na Educação

Particularmente a coluna acredita que o atual secretário Lourenço Vieira da Silva deve permanecer até o final do mandato de Jackson Lago. Mas, em se tratando de política, tudo é possível.

Está em curso articulação para deslocar Lourenço Vieira para a pasta da Agricultura, que não vem funcionando, abrindo a vaga na Educação para Pavão Filho. Abre-se, então, a vaga na Assembléia Legislativa para Luiz Pedro, primeiro suplente do PDT.

Se a articulação estiver combinada com Jackson, é possível.

Holanda na Educação

Do outro lado das duas pontes, no Palácio Henrique de La Rocque, um grupo influente no governo, com o apoio do PSDB, trabalha o nome do deputado Edivaldo Holanda para disputar a sucessão de João Evangelista ou suceder a Lourenço Vieira da Silva, caso o secretário seja deslocado para a Agricultura. Tem rumo.

Holanda e Jackson Dono de colégio e professor, Edivaldo Holanda mostrou ao governador que entende além do parlamento. Em encontro recente e descontraído, Holanda apontou para Jackson Lago os caminhos que a Educação deveria tomar no Maranhão. O governador ficou impressionado com as sugestões.

Sugestões de Holanda

O líder do governo na Assembléia Legislativa sugeriu, por exemplo, que a secretaria de Educação estimulasse professores e alunos, com a criação de prêmios, realizar avaliações dos corpos discente e docente, além de promover cursos da capacitação e de intercâmbios. Lago gostou das propostas. Dois caciques do PSDB estavam ao lado.

Sem lancha

O deputado Alberto Franco desmentiu ontem que tenha lancha para navegar nas águas tranqüilas do rio Preguiça, em Barreirinhas. Porém, não pode negar que seja proprietário de avião, uma ilha em Curupu, próximo da bela Caçacoeira, e de posto de gasolina. Prova de que não é apenas a barriga que está cheia, mas os bolsos também.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.