Antônio Pereira participa da entrega de ambulâncias com UTI em João Lisboa

O presidente dos democratas da Região Tocantina, deputado Antônio Pereira participou – acompanhado do deputado federal Chiquinho Escórcio (PMDB-MA) e do prefeito Emiliano Menezes – da entrega de duas ambulâncias, equipadas com Unidade de Terapia Intensiva (UTI) móvel para a população de João Lisboa.
Para Antônio Pereira, embora o transporte de pacientes já aconteça de forma regular em João Lisboa, as duas ambulâncias com UTI móvel acrescentam uma melhora significativa, pois possuem mais espaço para que os médicos e os enfermeiros acompanhem e realizem os procedimentos adequados, ainda durante o transporte.
O parlamentar informou que as duas ambulâncias com UTI contam com equipamentos de ponta, como kits para remoção (maca, colares, pranchas, cintos, cadeira de rodas) e pequenas cirurgias (pinça, bisturi, tesouras), aparelhos elétricos (desfibrilador, respirador e bomba de infusão) e medicamentos necessários aos atendimentos.
ASFALTO AUTORIZADO
Após a entrega das duas ambulâncias, o deputado Antônio Pereira anunciou que a governadora Roseana Sarney (PMDB) determinou a abertura de uma ordem de serviço, para a recuperação da pavimentação asfãltica de João Lisboa, que fica próximo de Imperatriz, e é um dos mais prósperos municípios da região Tocantina.
Assecom

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Castelo recebe apoio de centenas de lideranças das zonas rural e urbana

Centenas de lideranças comunitárias das zonas rural e urbana de São Luís participaram, na noite de quinta-feira, do 1º encontro de lideranças e amigos do candidato a vereador Canindé Barros (PSDB), que contou com as presenças de João Castelo e seu candidato a vice, Neto Evangelista, da coligação “Pra Fazer Muito Mais”. O ato político, realizado na sede da ASFEM, no Filipinho, acabou se transformando em uma grande manifestação de apoio à reeleição do prefeito de São Luís.

Cerca de 500 líderes de diversos bairros como Tibiri, Vila Itamar, Itapera, Tibirizinho, Vila Nova República, Vila Sarney, Santa Cruz, Santo Antonio, Vila Palmeira, Parque Vitória, Vila Esperança, Cidade Operária, Vila Bacanga, Jardim América e Cidade Olímpica, aplaudiram, entusiasticamente, a chegada dos candidatos.

Ao falar a plateia, Castelo destacou o papel das lideranças comunitárias em uma campanha eleitoral. “São vocês que ajudam o político a chegar mais perto do povo, ajudam o povo na solução dos problemas de suas comunidades e nós temos trabalhado sério para resgatar a dignidade da população”, frisou. Apontou como exemplos a construção dos canais, o programa do leite, o fardamento gratuito para estudantes da rede municipal. Disse ter lutado para melhorar o transporte público, com a aquisição de 300 novos ônibus, o envio à Câmara de mensagem para a realização de uma licitação nacional para modernizar o sistema de transporte coletivo, bem como a pioneira implantação do VLT, mais conhecido como metrô de superfície.

No seu discurso Canindé Barros lembrou que entrou na carreira política pelas mãos de Castelo. E pretende ajudá-lo, no segundo mandato, a fazer uma verdadeira revolução em São Luís. “Castelo será o prefeito a trazer o VLT (veículo leve sobre trilhos) para São Luís. Estamos hoje no mesmo palanque para não deixar as obras que você iniciou paradas”, disse, dirigindo-se ao prefeito. Companheiro de chapa de Castelo, Neto Evangelista destacou o importante apoio do candidato a vereador, afirmando que ele está no partido certo no momento certo.

A lavradora Maria Alves de Sousa, ou Dona Roxa, como prefere ser chamada, 62 anos, moradora da Vila Maranhão, seis filhos e seis netos, era uma das líderes a ouvir atentamente os candidatos e manifestar confiança na reeleição do prefeito. “Ele é o melhor, já fez e pode fazer muito mais. Sou Castelo desde que me entendo por eleitora. Na minha família todo mundo vota nele”, diz a maranhense de Santa Inês, que cultiva mandioca, milho, feijão e macaxeira em uma gleba de 75 hectares , o Sítio Mutura, em Pedrinhas.

Para Ubaldo Martins, da Vila Bacanga, quatro anos é pouco para quem tem muito a fazer. “O voto em Castelo é a continuidade do trabalho, é preciso mais tempo pra transformar a cidade”, diz o líder, que é presidente do Conselho Cultural do Tambor de Crioula do Maranhão.

Da assessoria

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Chiquinho Escórcio pede prioridade na duplicação da BR-010

O deputado federal Chiquinho Escórcio (PMDB-MA) acaba de falar, por telefone, com o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, e o mesmo se comprometeu a ajudar para que a presidenta Dilma Rousseff acate a sugestão do Ministério dos Transportes, na pessoa do ministro Paulo Passos, e do diretor-geral do DNIT, general Jorge Fraxe, para a inclusão da duplicação da BR-010 na prioridade do PAC 2.

Na ocasião, o deputado disse que já pediu o mesmo ao presidente do Congresso Nacional, senador José Sarney, o qual já havia feito o pedido à presidenta da República.

Ao finalizar o telefonema, Chiquinho disse: “Quanto mais cabra, mais cabrito. Essa é uma ação que tem que envolver o pedido da governadora Roseana Sarney, do ministro Lobão e do presidente Sarney, porque é uma obra de grande relevância para Imperatriz. Sem essa duplicação, Imperatriz sofrerá e muito com o seu sistema viário. É uma questão de honra nós garantirmos a inclusão dessa obra no PAC”, ressaltou. O ministro prometeu se empenhar.

Assessora de imprensa

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Polícia faz busca e apreensão em loja de Fábio Capita

Policias civis que fazem parte da comissão que investiga a morte do jornalista Décio Dá – e da agiotagem no Maranhão – realizaram, agora há pouco, busca e apreensão na loja de Fábio Capita, que permanece preso no Quartal da PM, sendo um dos suspeitos no caso que resultou na morte do blogueiro.

O estabelecimento, que é uma oficina de carros importados, funciona no Calhau, atrás da loja de confecções Vox.

Os policiais foram também para a residência do militar, no Araçary, para cumprir outros mandados de busca e apreensão.

Fábio Capita teve prisão temporária decretada pela policia do Piauí, por suposto envolvimento no assassinato do agiota Fábio Brasil.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Polícia prende assaltantes de áreas nobres da capital

Policiais militares prenderam ontem uma quadrilha  que assaltava mansões no Olho D`Água, Calhau e Jardim El Dorado, no Turu. Os bandidos usavam sempre de violência nas residências assaltadas.

O Serviço de Inteligência do 8º BPM vinha monitorando o grupo e ontem, por volta das 14h50 foi feita a prisão na praia do Olho D`Água, nas proximidades do Bar Conterrâneo.

Os elementos são Jonas de Jesus Diniz, 25 anos, morador à rua Imazia, nº 01, Vila Coulier, em Pedrinhas, Rafa dos Santos Ferreira e Joel dos Santos Ferreira, ambos irmãos, que moram na rua José de Ribamar, nº 05, Vila Vitória, Davilson dos Reis Silva, 20 anos, morador à rua Santo Antônio, Vila Magril; Emanoel da Silva Santos, 18 anos, residente na rua do Coqueiro, Vila Magril.

Eles são responsáveis por vários assaltos em casas nas áreas nobres da cidade, sempre fortemente armados. Ontem mesmo eles foram reconhecidos por várias vítimas.  Dentre elas, Leandro Rios Rocha e Caroline Carvalho Santos, moradores da avenida Rio Pimenta, nº 03, no Olho D`Água.

Com os bandidos, os policiais apreenderam dois celulares, seis cordões, duas pulseiras, um relógio, R$ 237 e pedras de crack.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Câmara do TJ recebe denúncia contra prefeito de São Vicente Férrer

Desembargador Raimundo MeloDesembargador Raimundo Melo

A 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão recebeu denúncia do Ministério Público Estadual contra o prefeito de São Vicente Férrer, João Batista Freitas. Segundo o MP, Batista não cumpriu o prazo estabelecido para prestação de contas de convênios firmados com o governo do Estado, em 2007 e 2008, visando pavimentação asfáltica em vias públicas.

O procedimento investigatório iniciou com notícia-crime em que José Arnaldo da Silva apontou suposta prática de irregularidade na aplicação dos recursos públicos oriundos dos referidos convênios. Consta no processo que o valor do contrato de 2007 foi de R$675.191,78, e de R$630.000, em 2008. Informa também que uma das cláusulas do contrato obrigava o município a prestar conta dos recursos transferidos em até 60 dias após a data da liberação da última parcela transferida.

Relata ainda que o último repasse é datado de 14 de novembro de 2008, no valor de R$273.897,82, sendo que a prestação de contas não ocorreu no prazo estabelecido – 13 de janeiro de 2009.

De acordo como MP, o prefeito apenas apresentou a documentação das contas relativas a 2007, em 16 de setembro de 2009. E somente no dia 6 de novembro de 2009 as referentes ao ano de 2008.

Em sua defesa, o gestor alegou não ter recebido o total dos recursos previstos nos contratos, não sendo possível nesse caso falar em omissão, uma vez que o repasse total não foi efetuado, não podendo prestar contas de valores não recebidos.

Voto – O relator do processo, desembargador Raimundo Melo, sustenta em seu voto que, ao contrário da alegação da defesa, a denúncia contém exposição clara do fato criminoso e todas as circunstâncias, com indicação temporal e referência de documentos que demonstram o crime imputado.

”Entendo que a denúncia está formalmente perfeita e preenche os requisitos exigidos pelo artigo 41 do Código de Processo Penal”, esclareceu.
asscom

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

TV Difusora e Rádio Capital sorteadas como geradoras de mídia em SL

Sorteio realizado na tarde desta segunda-feira (23) definiu a TV Difusora e a Rádio Capital como as emissoras que vão gerar a propaganda eleitoral em São Luís nestas Eleições 2012.

A forma de escolha foi considerada a mais democrática pelos partidos, coligações e representantes da imprensa presentes à audiência pública com este fim, presidida pelo juiz Jesus Guanaré de Sousa Borges (titular da 2ª Zona Eleitoral).

“Como prevê o Tribunal Superior Eleitoral, as emissoras poderiam concordar entre si a quem caberia a responsabilidade pela geração de mídias, mas elas optaram por fazer o sorteio”, explicou o magistrado.

Durante a audiência no Fórum Eleitoral de São Luís ficou acertada, também via sorteio, a ordem de veiculação da propaganda de cada coligação e/ou partido a partir do dia 21 de agosto, quando começa o horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão.

“Essa ordem é uma para os cargos de prefeito e outra para os de vereadores”, alertou Roberto Magno Frazão, chefe da Coordenadoria de Supervisão e Fiscalização do Cadastro Eleitoral da Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão.

Para prefeitos ficou definido que a coligação “Junto por São Luís” encabeçará a propaganda no dia 21, seguida pela “São Luís, o caminho certo é pela esquerda”, “Pra fazer muito mais”, PSTU, PPS, Muda São Luís, PRTB e por último “Construindo uma nova história”.

O PR abre a série de propagandas para o cargo de vereador. Logo após será a vez do PP, “Pra fazer muito mais 1”, “São Luís, o caminho certo é pela esquerda”, “Mudar para melhor”, “Juntos somos fortes”, PSDC, PPS, PRP, “Juntos por São Luís 1”, PSTU, PC do B, “Por uma São Luís mais segura e sustentável”, PRTB, “Juntos por São Luís 2”, PRB.

Horários da propaganda – segundo regulamenta a Resolução 23.370 do TSE, a propaganda para os cargos de prefeito e vice-prefeito serão veiculadas às segundas, quartas e sextas, das 7h às 7h30 e das 12h às 12h30, no rádio e das 13h às 13h30 e das 20h30 às 21h, na televisão. O mesmo horário vale para os cargos de vereador, só que as terças, quintas e sábados.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Caminhada da coligação“juntos por São Luís“ movimenta bairro da Liberdade

 A coligação “Juntos por São Luís” teve mais um final de semana de agenda cheia pela cidade. O candidato a prefeito pelo PT, Washington Luiz, o vice (PMDB) Afonso Manoel, candidatos a vereadores e lideranças comunitárias iniciaram o domingo com um “Grande Abraço” pelo bairro da Liberdade.

Durante a caminhada Washington Luiz teve um acolhimento caloroso pelos populares. De casa em casa, o candidato foi passando pelas ruas e ouvindo asa necessidades e pedidos dos moradores. Entre as principais reivindicações está o saneamento básico, já que vários esgotos e valas a “céu aberto” foram detectadas no trajeto.

“Nós vamos trabalhar para fazer o que a gestão atual não tem feito. Existe um fenômeno que tem nos chamado atenção, primeiro é o carinho com que a população nos acolhe. A segunda coisa que é já participei de muitas campanhas eleitorais e nessa não vi ninguém pedido dinheiro, isso é relevante porque mostra a autoestima da população e sinaliza uma mudança de comportamento do eleitor. As pessoas pedem compromisso. Que faça as mudanças necessárias”, declarou Washington

“A cada caminhada o que nós vemos é a população confiando no Washington (13), esperando um governo participativo em que o futuro prefeito vai trabalhar os quatro anos – desde o primeiro dia útil – por saneamento básico, educação, saúde, trânsito e essa receptividade nos motiva cada vez mais”, completa o candidato a vice-prefeito, Afonso Manoel.

Ainda no domingo, os candidatos Washington Luiz e Afonso Manoel estiveram na comunidade do Jaracati para a inauguração do comitê da candidata a vereadora pelo PSDC, Domingas. “É fundamental esse vinda do candidato para dentro de cada bairro, cada comunidade. Esse é o ponto de partida para a realização de um bom trabalho e para a vitória”, afirma Domingas

Congresso da Cidade – No sábado (21), de maneira inovadora a coligação “Juntos por São Luís” reuniu no Rio Poty, durante todo o dia, líderes partidários e comunitários, dirigentes sindicais e representantes da sociedade civil organizada para a construção da peça inicial do plano de governo do Partido dos Trabalhadores. Entre os principais aspectos debatidos estavam infraestrutura e mobilidade urbana, saúde, educação e segurança. As propostas apresentadas serão sistematizadas, discutidas e ampliadas (dentro da própria comunidade junto com os populares).

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Eleições em Bacabeira: começa jogo de informações entre candidatos

O período eleitoral é pródigo em fornecer exemplos do que é uma guerra de informações. Nesta época, surgem fofocas, boatarias e, hoje em dia, de um modo geral, mentiras propagadas na Internet, quer seja em sites de notícias ditos de credibilidade, quer seja através das redes sociais como o Facebook e Twitter.

Com efeito, via de regra os factóides são implantados como tentativa de prejudicar a imagem do candidato atingido, mas, pela sua própria natureza, acabam servindo para evidenciar o tipo de jogo sujo que pratica quem os produz.

Em meio a isso, a grande vítima sempre é a população que, por carência de informações corretas e carência de entendimento do processo legal, pode ser facilmente manipulada a partir da distorção de fatos e de documentos.

Bacabeira, como todos os outros municípios brasileiros, passa pela mesma situação. No município o embate é entre o ex-prefeito Reinaldo Calvet (PSC), a candidata a vereadora Raimunda Desterro Bezerra (PT) e o candidato a prefeito Alan Linhares (PTB). A guerra de informações, no momento, gira em torno de quem está ou não inelegível para o pleito majoritário deste ano.

Calvet leva a efeito sua candidatura já em ritmo de campanha e, enquanto há rumores por lá que ele próprio está inelegível, o mesmo solicitou a impugnação de Alan. ‘Raimundinha’ da mesma forma, crendo que as contas do parlamentar estariam irregulares, também entrou com a mesma denúncia.

Para se defender, Alan requereu ao Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA), certidão relativa a prestação de contas da Câmara Municipal de Bacabeira, de sua responsabilidade nos exercícios financeiros dos anos de 2001, 2002, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2010. O documento foi emitido no último dia onze.

Mas, da análise do teor do texto, para cada um dos processos relativos aos seus respectivos exercícios financeiros, na realidade, se verificou somente duas conclusões:

Primeira: ou o julgamento das contas, em si, é que foi considerado irregular, e não as próprias contas. Donde impetrado Recurso de Reconsideração e/ou Revisão, conforme o caso, e a nova análise, o Acórdão resultante altera a decisão anterior pelo julgamento regular das contas;

Segunda: ou, ainda conforme o caso cabe o embargo de declaração e, posteriormente, o Recurso de Reconsideração com efeito suspensivo. Assim, o processo encontra-se em análise, portanto, sem trânsito em julgado.

A tendência é que os processos ainda em análise tenham o mesmo desfecho da primeira conclusão, onde as irregularidades pertencem ao julgamento e não às contas; o texto da certidão não indica nenhum elemento que justifique a impugnação da candidatura de Alan.

Ainda há três meses para a definição do pleito. Até lá o leitor ainda terá muitos elementos para analisar e escolher seu candidato.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Senado pode ter hoje 2ª cassação de sua história

Folha de São Paulo

O Senado decide hoje, em sessão aberta, se cassa o mandato de Demóstenes Torres (ex-DEM-GO), que pode se tornar o segundo parlamentar, em 188 anos de história, a ser excluído da Casa pelos próprios colegas.

Um dos principais líderes da chamada “bancada ética” do Senado, Demóstenes foi flagrado em escutas pela Polícia Federal em situações que sugerem o uso do cargo em benefício do suposto esquema criminoso comandado por Carlinhos Cachoeira.

Além disso, é acusado de ter mentido em plenário quando disse que somente mantinha relação de amizade com o empresário.

Até hoje o Senado só cassou o mandato de Luiz Estevão (DF), em 2000, no escândalo de desvio de recursos das obras do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo.

PLACAR

Se for cassado, o ex-líder do DEM ficará inelegível até 2027 (oito após o término da legislatura para o qual foi eleito), quando terá 66 anos.

Entre os senadores, o clima é o de que a cassação de Demóstenes é inevitável. À Folha 52 dos 81 senadores disseram que votarão pela punição –são necessários 41.

Apesar de o voto ser secreto, a sessão de hoje será aberta e vai ser transmitida ao vivo pela TV Senado. As galerias do plenário também serão abertas aos cidadãos que conseguirem senhas distribuídas pelos partidos.

Os senadores ficam proibidos de revelar o voto, registrado eletronicamente.

Demóstenes será o último a falar, por meia hora.

Em 2007, uma das absolvições de Renan Calheiros (PMDB-AL) já havia ocorrido em sessão aberta.

À época, Demóstenes foi um dos principais algozes do peemedebista, acusado de ter as despesas pessoais pagas por uma empreiteira.

Ontem Demóstenes comparou a perda do mandato a algo pior do que a morte.

“A morte é até simples, pois é o fim definitivo. A cassação é uma morte com requinte de extrema crueldade, mata não só a pessoa, mas rouba-lhe a dignidade”, diz ele, em texto aos colegas.

Demóstenes afirma que vai “resistir até o final”, embora o regimento do Senado lhe permita renunciar até momentos antes da votação –seu advogado descarta a hipótese. O comando do Senado entende, entretanto, que uma eventual renúncia não suspende a votação.

No plenário, Demóstenes fez um apelo emocional afirmando que enfrentou um “massacre”.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

A arma usada pelo pistoleiro era a que estava enterrada

Com um certo atraso, o blog que esteve presente na coletiva do secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, na manhã de hoje, sobre a arma que estava enterrada nas dunas do Morro do Ipem, publica agora que a pistola era a mesma que executou o jornalista Décio Sá.

Como antecipado pelo blog, minutos antes da entrevista, nada haveria a ser falado sobre o caso, exceto a raspagem profunda do objeto para dificultar as investigações.

Arma ponto 40Arma ponto 40
Mendes explicou que rasparam interna e externamente o brasão e a numeração da pistola. Isto significa dizer que o matador recebeu a arma cuidadosamente disfarçada para a execução. E, então, até agora ninguém sabe a quem pertence o objeto utilizado.

O secretário informou que a arma será novamente periciada neste final de semana aqui mesmo em São Luís. Caso não encontrem vestígios que identifiquem sua origem, devem mandá-la para um centro mais avançado. Nada de anormal.

O certo é que a polícia que investiga o caso concluiu que foi a pistola que matou o jornalista. Então, cabe aos investigadores agora saber do intermediador da arma, Júnior Bolinha, a procedência da pistola. Só ele deve saber de quem recebeu por ter sido a pessoa quem entregou ao assassino.

A polícia tem feito um trabalho louvável até agora. Existem caso de jornalistas e radialistas sem solução até agora. No Rio Grande do Norte, levaram dois anos para descobrir um consórcio que deu fim a vida de um radialista. No Rio de Janeiro, levaram seis meses para elucidar o caso de uma juíza excutada por traficantes.

O blog sempre defendeu o sigilo e a compreensão nas investigações para não atrapalhar o serviço da polícia. E o resultado, até o momento, com a elucidação, foi positivo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Arma que matou Décio Sá é encontrada nas dunas da Litorânea

Perito retira arma que matou Décio Sá. (Foto: Biné Morais/O Estado)Perito retira arma que matou Décio Sá. (Foto: Biné Morais/O Estado)

O secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, confirmou agora há pouco ao blog que Jhonatan Sousa Silva, assassino confesso de Décio Sá, não jogou a arma usada no crime ao mar, conforme informou aos delegados no seu primeiro depoimento.

Segundo o matador, a pistola ponto 40 fora enterrada por ele na altura do morro do Ipen, no Calhau, por onde ele empreendeu a fuga.

A revelação foi feita hoje de manhã, 5, por Jhonatan. A polícia já esteve no local e encontrou a arma.

Aluísio Mendes disse ao blog que a pistola foi enviada a perícia para saber se realmente foi a arma utilizada na execução do jornalista Décio Sá.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.