Homem morre após sofrer descarga elétrica em elevador no Ceuma

Imirante

De acordo com informações, ele estaria no quarto andar, fazendo reparos no elevador, quando foi eletrocutado e morreu imediatamente.

SÃO LUÍS – Na tarde desta quinta-feira (28), um homem morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto fazia a manutenção de um elevador na universidade Ceuma, localizada no bairro Renascença II.

De acordo com informações preliminares, ele estaria no quarto andar quando foi eletrocutado e morreu imediatamente. O local foi isolado e todos os alunos que estavam na universidade foram dispensados.

O Corpo de Bombeiros e a perícia já estão no local para saber quais as causas do acidente.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Bomba! Funcionários do Socorrão I negociam leitos com pacientes

Blog do Luis Pablo

bombaEm sua página na rede social (Twitter), o secretário de Comunicação da Prefeitura de São Luís, Márcio Jerry, informou que um grande esquema de corrupção no Hospital Socorrão I está sendo apurado.

O blog do Luís Pablo foi informado que funcionários do hospital estavam negociando leitos com pacientes em busca de atendimento na unidade.

Segundo o secretário de Comunicação, a investigação vinha sendo legalmente conduzida. Há pelo menos duas semanas que a polícia vem investigando o caso para tentar prender a quadrilha.

O esquema deverá ser estampado nos jornais da capital maranhense amanhã. Anotem!

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maiores doadoras somam gasto de R$ 1 bilhão desde 2002

Folha de S. Paulo

As dez empresas que mais doaram nas eleições dos últimos dez anos desembolsaram mais de R$ 1 bilhão para financiar as campanhas de candidatos no país inteiro.

Nesse grupo há cinco construtoras, três bancos, um frigorífico e uma metalúrgica.

O montante repassado por elas a políticos entre 2002 e 2012 é suficiente para bancar quinze campanhas semelhantes à que levou Fernando Haddad (PT) à Prefeitura de São Paulo, a mais cara de 2012. Equivale também ao custo da reforma que prepara o estádio do Maracanã para a Copa do Mundo de 2014.

As quatro primeiras posições são de empreiteiras: Camargo Corrêa, Andrade Gutierrez, OAS e Queiroz Galvão.

Todas elas mantêm contratos vultosos com o poder público –em São Paulo, por exemplo, as quatro participaram do consórcio que executou parte da linha 4-amarela do metrô e a OAS venceu a disputa por dois lotes do trecho norte do Rodoanel.

grafico-doadores Só em 2012 o governo federal pagou R$ 213 milhões diretamente à Camargo Corrêa, a maior parte por contratos com o Ministério dos Transportes. A Queiroz Galvão recebeu outros R$ 420 milhões da União, segundo o Portal da Transparência.

Os números são de levantamento feito pela Folha nas prestações de contas de partidos, de comitês e dos cerca de 1,5 milhão de candidatos que concorreram a um cargo eletivo de 2002 a 2012. Os valores foram corrigidos pelo índice de inflação. Os dados são disponibilizados pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

A quinta empresa na lista é a JBS. Entre seus acionistas está o BNDES, banco público de fomento que detém cerca de um terço da empresa.

Os outros líderes no levantamento são os bancos Alvorada (Bradesco), Itaú e BMG, a empreiteira UTC e a produtora de aço Gerdau.
concentração

A concentração das doações é ainda maior se forem considerados os grupos a que essas empresas pertencem, já que parte dos conglomerados divide as doações entre subsidiárias. É o caso do Bradesco, que, além das doações do Banco Alvorada, investiu por meio do Bankpar (R$ 18,3 milhões) e da Tempo Serviços (R$ 20 milhões).

Há também grupos que dividem as doações de maneira equilibrada: a Vale doou R$ 107 milhões via quatro empresas, e a Odebrecht, R$ 68 milhões por sua construtora e pela Braskem.

O volume de doações registradas cresce a partir de 2010. Isso porque, até 2008, apenas candidatos e comitês declaravam suas contas eleitorais. As doações aos partidos eram informadas, sem discriminação, junto à contabilidade geral da sigla no final do ano.

A Folha ouviu as empresas sobre diretrizes do financiamento eleitoral.

O Itaú informou ter uma política específica que determina que as doações sejam feitas por um único CNPJ e diretamente a candidatos. Os repasses são definidos por um comitê, que analisa seus históricos e plataformas.

A Gerdau diz que doa para “fortalecer a cidadania e impulsionar a evolução social e econômica”. A Odebrecht, que faz doações “em prol da democracia e do desenvolvimento econômico e social”.

A Vale afirmou que busca se manter “imparcial” e não faz doações, mas que empresas do grupo não estão impedidas. O Bradesco e a Queiroz Galvão não se pronunciaram. As outras empresas dizem apenas que as doações são feitas de acordo com a legislação eleitoral.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

PF tira tornozeleira eletrônica da ex-prefeita Bia Venâncio

As informações são do Blog do Luís Pablo

A ex-prefeita de Paço do Lumiar, Bia Venâncio, se livrou da tornozeleira eletrônica.

Na última quarta-feira, dia 10, no período da tarde, a Polícia Federal tirou o aparelho que monitorava 24h a ex-prefeita. A informação foi confirmada por uma alta fonte da polícia.

Bia Venâncio foi presa pela PF, no ano passado, durante a Operação Allien, que desarticulou uma quadrilha que desviou R$ 15 milhões dos recursos provenientes do FUNDEB e PNATE (Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar).

Além dela, foi preso também o seu filho, o ex-vereador Thiago Aroso, que também recebeu a tornozeleira eletrônica junto com mais 12 pessoas envolvidas no esquema.

Prefeita Bia Venancio na PF usando a tornozeleira eletrônicaPrefeita Bia Venancio na PF usando a tornozeleira eletrônica

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Agora fedeu: concursos públicos poderão ser anulados no Maranhão

A Superintendência de Investigações Criminais (SEIC) terá uma batalha enorme pela frente e deve solicitar até o apoio da Polícia Federal, caso o Ministério Público mande apurar a participação da quadrilha presa ontem tentando fraudar o concurso para preenchimento de vagas na PM, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, em outros concursos realizados nos últimos três anos no Maranhão.

O esquema de fraude foi abortado pelo polícia para evitar que comprometesse o concurso de ontem, do qual participaram mais de 70 mil pessoas.

Mas como a quadrilha, que permanece presa em Pedrinhas, vem agindo há alguns anos entre o Pará, Maranhão e Piauí, a polícia já trabalha com a hipótese de os membros teriam participado de concursos, principalmente n0o interior do Maranhão para beneficiar candidatos.

Antônio Ferreira Lima Sobrinho, o líder da máfia da fraude dos concursosAntônio Ferreira Lima Sobrinho, o líder da máfia da fraude dos concursos
No concurso de ontem, candidatos pagaram de R$ 7 mil a R$ 25 mil, de acordo com o cargo que estava sendo disputado. No interior, nos concursos realizado nos últimos anos, estima-se que os valores variavam entre R$ 3 mil a R$ 6 mil.

Os policiais da SEIC devem realizar investigações profundas para que seja desvendado a extensão das fraudes nos concursos realizados em nosso Estado.

O líder do grupo, Antônio Ferreira Lima Sobrinho, morador da cidade de Pindaré-Mirim, popularmente conhecido por “Concurseiro”, confessou que foi aprovado em 30 concursos, sempre nas primeiras posições.

Ele comandou toda o operação de ontem, que acabou frustrada e resultou na prisão de 32 pessoas, sendo 27 de São Luís e 5 de Caxias, cidade em que ele iria fazer as provas em nome de outra pessoa.

E só não conseguiu seu intento pelo fato da polícia monitorar os passos de sua quadrilha há mais de 30 dias.

Assim que tem acesso as provas, o líder transmitia as respostas de cada questão para sua quadrilha, que retransmitia para os candidatos através de micro celulares.

Os fraudadores, a exemplo do líder, foram presos ainda dentro das salas de aulas, onde estavam sendo realizadas as aprovas.

Como nos últimos concursos da prefeituras do interior e até mesmo de órgãos aqui da capital não havia fiscalização e nem desconfiança da ação do grupo, alguns policiais acham que a fraude teve ter rolado solta.

Prova disso é o patrimônio ostentado pelo “Curseiro”, que só compra carrões importados, a exemplo de um Sonata da Hyundai, ao valor de R$ 100 mil e imóveis adquiridos nos últimos dois anos. Ele é apenas funcionário concursado do IFMA de Santa Inês.

Se você acha que o concurso de sua cidade foi fraudado, denuncie aqui no Blog do Luis Cardoso.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Mulheres fazem gigantesca passeata no centro de São Luís em apoio à Castelo

O prefeito João Castelo reafirmou, nesta sexta-feira, que sua tarefa política e administrativa é preparar a cidade para os desafios do século XXI.

Caminhada das Mulheres na Rua Grande. Foto A. BaetaCaminhada das Mulheres na Rua Grande. Foto A. Baeta

Sem perder sua identidade cultural, histórica e arquitetônica, São Luís precisa de projetos impactantes para atender às demandas, sobretudo, nos aspectos da mobilidade urbana, ambientais e de serviços públicos. Castelo fez a declaração no encerramento de uma gigantesca passeata, organizada pela coordenação feminina de sua campanha.

À frente de um exército de mais de duas mil mulheres, a primeira dama do Município, Gardênia Gonçalves, disse estar feliz com o ato de apoio à reeleição do prefeito João Castelo. “Ele tem uma forte ligação não só com as mulheres, mas, também, com as crianças e os idosos. Muitos estão firmes conosco há quarenta anos e outros mais jovens que foram se juntando. Sabem que Castelo é um político experiente que trabalha para ajudar o povo”, enfatizou.

Uma das mais entusiasmadas manifestantes era Thayanne Evangelista, mulher do deputado Neto Evangelista, candidato a vice-prefeito. Com alegria, ela destacou a liderança de Castelo e o carinho que a população tem para com o chefe do Executivo municipal.

Aplaudindo a manifestação, Raimunda Rodrigues Martins, 51 anos, vendedora ambulante que trabalha ha 25 anos na Rua Grande, frisou que Castelo merece ser reeleito, “porque conheço a história e o trabalho dele e garanto que ele não vai nos desamparar”.

A enfermeira Ursulina Guimarães da Silva, 56 anos, que acompanhou toda a passeata, assinalou que “Castelo é o mais preparado, sabe administrar, não podemos deixar São Luís embarcar em uma aventura”. No mesmo sentido, manifestou-se o taxista João Silva Neto ao dizer que Castelo “não tem adversário à altura dele, não tem comparação, tem currículo pra mostrar, essa é a diferença”.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Preso bandido que assaltava de terno e gravata em residências em São Luís

Imirante .com

Adriano Dias Pereira, de 22 anos, foi preso, com mais seis pessoas (entre eles seu irmão e sua mãe), na região da Vila Maranhão, área Itaqui-Bacanga.

SÃO LUÍS – Policiais militares prenderam na madrugada desta terça-feira (7), Adriano Dias Pereira, de 22 anos, na região da Vila Maranhão. Também foram presos: irmão e mãe de Adriano, Danilo Dias Pereira, 24 anos, e Rosinete Nunes Dias, de 40 anos, respectivamente, Edmilson Lopes dos anjos, de 22 anos;[ Deivison Silva Correia, de 26 anos, mais conhecido como Mancha {companheiro de Rosinete]; Alessandro Júnior Ferreira, de 24 anos; e José Ribamar Ferreira Correa, conhecido também como Lascaréu.

Em poder da quadrilha foram apreendidos uma pistola 9 mm (uso exclusivo das Forças Armadas), um revólver calibre 38, dezesseis celulares, computadores, joias, relógios, um Fiat Uno, um Gol Prata e a importância de R$ 4,7 mil em espécie.

De acordo com a polícia, eles são suspeitos por crime de latrocínios em São Luís, entre os quais, envolve um policial reformado, próximo ao aeroporto.

 O sexteto está preso na delegacia da Cidade Olímpica. Adriano foi reconhecido pelas vítimas que compareceram à delegacia. Uma dos crimes mais recentes cometidos por ele foi em uma residência, na semana passada, no conjunto Cohajap.

Segundo a polícia, existem mais pessoas envolvidas com a quadrilha. Diligências estão sendo feitas para localizar o restante do bando.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Carro de som de Castelo caiu, na verdade, em um buraco no município de Ribamar

Blog do John Cutrim
A coordenação de campanha do candidato a prefeito à reeleição João Castelo emitiu, no início da noite deste domingo, nota de esclarecimento rebatendo o conteúdo falso de um vídeo disseminado nas redes sociais com imagens que visam atingir a campanha do tucano. As cenas, manipuladas, dão conta de um carro de som de Castelo caído num buraco em uma das avenidas de São Luís.

Na verdade, conforme nota enviada pelo núcleo de comunicação castelista, o veículo mostrado nas imagens caiu, sim, em um buraco no cruzamento da MA-201 com Avenida da Mata, ou seja, no município de São José de Ribamar, quando fazia o caminho de volta para o comitê.

Não se trata, portanto, conforme explica a nota, “de acidente ocorrido em via pública do município de São Luís”, como tenta, maliciosamente, induzir o vídeo com conteúdo corrompido e malicioso.

Veja a seguir a íntegra, com detalhes, da nota de esclarecimento.

CAMPANHA CASTELO 45 – NOTA DE ESCLARECIMENTO

A coordenação de campanha do candidato a prefeito Castelo 45 esclarece que, ao contrário do que tenta mostrar um vídeo postado nas redes sociais, de forma apressada e desonesta, o carro de som filmado encontrava-se caído em buraco no cruzamento da MA-201 com Avenida da Mata, ou seja, no município de São José de Ribamar, cidade onde naquele momento a caminhonete de placa HPI 3234, conduzida pelo motorista Astrogildo Sousa, fazia o caminho de volta para o comitê , depois de percorrer alguns bairros da área limite de São Luís.

Não se trata, portanto, de acidente ocorrido em via pública do município de São Luís.

A informação verdadeira pode ser facilmente constatada no seguinte link:


A localização do buraco pode ser comprovada também pelo Google Maps, no link abaixo:

https://maps.google.com.br/maps?q=MA+201+com+Avenida+Tancredo+Neves+ou+Avenida+da+Mata,+Munic%C3%ADpio+de+S.J.+de+Ribamar&ie=UTF-8&hl=pt-BR

A coordenação informa ainda que a campanha do candidato Castelo 45 continuará sendo pautada pela lisura, pela ética e pela transparência de toda a equipe envolvida no trabalho e pelo entusiasmo e garra da militância que cada vez mais está tomando as ruas da cidade.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Antônio Pereira participa da entrega de ambulâncias com UTI em João Lisboa

O presidente dos democratas da Região Tocantina, deputado Antônio Pereira participou – acompanhado do deputado federal Chiquinho Escórcio (PMDB-MA) e do prefeito Emiliano Menezes – da entrega de duas ambulâncias, equipadas com Unidade de Terapia Intensiva (UTI) móvel para a população de João Lisboa.
Para Antônio Pereira, embora o transporte de pacientes já aconteça de forma regular em João Lisboa, as duas ambulâncias com UTI móvel acrescentam uma melhora significativa, pois possuem mais espaço para que os médicos e os enfermeiros acompanhem e realizem os procedimentos adequados, ainda durante o transporte.
O parlamentar informou que as duas ambulâncias com UTI contam com equipamentos de ponta, como kits para remoção (maca, colares, pranchas, cintos, cadeira de rodas) e pequenas cirurgias (pinça, bisturi, tesouras), aparelhos elétricos (desfibrilador, respirador e bomba de infusão) e medicamentos necessários aos atendimentos.
ASFALTO AUTORIZADO
Após a entrega das duas ambulâncias, o deputado Antônio Pereira anunciou que a governadora Roseana Sarney (PMDB) determinou a abertura de uma ordem de serviço, para a recuperação da pavimentação asfãltica de João Lisboa, que fica próximo de Imperatriz, e é um dos mais prósperos municípios da região Tocantina.
Assecom

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Castelo recebe apoio de centenas de lideranças das zonas rural e urbana

Centenas de lideranças comunitárias das zonas rural e urbana de São Luís participaram, na noite de quinta-feira, do 1º encontro de lideranças e amigos do candidato a vereador Canindé Barros (PSDB), que contou com as presenças de João Castelo e seu candidato a vice, Neto Evangelista, da coligação “Pra Fazer Muito Mais”. O ato político, realizado na sede da ASFEM, no Filipinho, acabou se transformando em uma grande manifestação de apoio à reeleição do prefeito de São Luís.

Cerca de 500 líderes de diversos bairros como Tibiri, Vila Itamar, Itapera, Tibirizinho, Vila Nova República, Vila Sarney, Santa Cruz, Santo Antonio, Vila Palmeira, Parque Vitória, Vila Esperança, Cidade Operária, Vila Bacanga, Jardim América e Cidade Olímpica, aplaudiram, entusiasticamente, a chegada dos candidatos.

Ao falar a plateia, Castelo destacou o papel das lideranças comunitárias em uma campanha eleitoral. “São vocês que ajudam o político a chegar mais perto do povo, ajudam o povo na solução dos problemas de suas comunidades e nós temos trabalhado sério para resgatar a dignidade da população”, frisou. Apontou como exemplos a construção dos canais, o programa do leite, o fardamento gratuito para estudantes da rede municipal. Disse ter lutado para melhorar o transporte público, com a aquisição de 300 novos ônibus, o envio à Câmara de mensagem para a realização de uma licitação nacional para modernizar o sistema de transporte coletivo, bem como a pioneira implantação do VLT, mais conhecido como metrô de superfície.

No seu discurso Canindé Barros lembrou que entrou na carreira política pelas mãos de Castelo. E pretende ajudá-lo, no segundo mandato, a fazer uma verdadeira revolução em São Luís. “Castelo será o prefeito a trazer o VLT (veículo leve sobre trilhos) para São Luís. Estamos hoje no mesmo palanque para não deixar as obras que você iniciou paradas”, disse, dirigindo-se ao prefeito. Companheiro de chapa de Castelo, Neto Evangelista destacou o importante apoio do candidato a vereador, afirmando que ele está no partido certo no momento certo.

A lavradora Maria Alves de Sousa, ou Dona Roxa, como prefere ser chamada, 62 anos, moradora da Vila Maranhão, seis filhos e seis netos, era uma das líderes a ouvir atentamente os candidatos e manifestar confiança na reeleição do prefeito. “Ele é o melhor, já fez e pode fazer muito mais. Sou Castelo desde que me entendo por eleitora. Na minha família todo mundo vota nele”, diz a maranhense de Santa Inês, que cultiva mandioca, milho, feijão e macaxeira em uma gleba de 75 hectares , o Sítio Mutura, em Pedrinhas.

Para Ubaldo Martins, da Vila Bacanga, quatro anos é pouco para quem tem muito a fazer. “O voto em Castelo é a continuidade do trabalho, é preciso mais tempo pra transformar a cidade”, diz o líder, que é presidente do Conselho Cultural do Tambor de Crioula do Maranhão.

Da assessoria

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Chiquinho Escórcio pede prioridade na duplicação da BR-010

O deputado federal Chiquinho Escórcio (PMDB-MA) acaba de falar, por telefone, com o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, e o mesmo se comprometeu a ajudar para que a presidenta Dilma Rousseff acate a sugestão do Ministério dos Transportes, na pessoa do ministro Paulo Passos, e do diretor-geral do DNIT, general Jorge Fraxe, para a inclusão da duplicação da BR-010 na prioridade do PAC 2.

Na ocasião, o deputado disse que já pediu o mesmo ao presidente do Congresso Nacional, senador José Sarney, o qual já havia feito o pedido à presidenta da República.

Ao finalizar o telefonema, Chiquinho disse: “Quanto mais cabra, mais cabrito. Essa é uma ação que tem que envolver o pedido da governadora Roseana Sarney, do ministro Lobão e do presidente Sarney, porque é uma obra de grande relevância para Imperatriz. Sem essa duplicação, Imperatriz sofrerá e muito com o seu sistema viário. É uma questão de honra nós garantirmos a inclusão dessa obra no PAC”, ressaltou. O ministro prometeu se empenhar.

Assessora de imprensa

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Polícia faz busca e apreensão em loja de Fábio Capita

Policias civis que fazem parte da comissão que investiga a morte do jornalista Décio Dá – e da agiotagem no Maranhão – realizaram, agora há pouco, busca e apreensão na loja de Fábio Capita, que permanece preso no Quartal da PM, sendo um dos suspeitos no caso que resultou na morte do blogueiro.

O estabelecimento, que é uma oficina de carros importados, funciona no Calhau, atrás da loja de confecções Vox.

Os policiais foram também para a residência do militar, no Araçary, para cumprir outros mandados de busca e apreensão.

Fábio Capita teve prisão temporária decretada pela policia do Piauí, por suposto envolvimento no assassinato do agiota Fábio Brasil.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.