Um homem de 32 anos de idade, que não teve o nome divulgado, foi preso na tarde de ontem (3) em um shopping center, em São Luís. Ele é suspeito de integrar uma quadrilha especializada em explosão de agências bancárias no interior do Maranhão. A prisão foi realizada pelo Departamento de Combate a Roubo a Instituições Financeiras(DECRIF/SEIC).

Agência Bradesco explodida em São João do Caru no ano passado

As investigações policiais apontam que o preso tem participação no crime de explosão do cofre da agência do Banco do Bradesco da cidade de São João do Caru, ocorrido no dia 31 de julho de 2020, quando criminosos atiraram com fuzis contra o Quartel da Polícia Militar e viaturas das forças de segurança da cidade.

O mandado de prisão foi expedido pela Comarca do município de Bom Jardim e após serem cumpridas as formalidades pertinentes ao cumprimento do Mandado de Prisão na sede da SEIC, o investigado foi encaminhado ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas onde ficará à disposição da Justiça.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.