O vigilante Jailson Anderson Costa da Silva, 29 anos, foi até ao bairro do Coroado nesta manhã de terça-feira e lá matou a tiros o comerciante Edcarlos Costa Sousa, 42 anos. Em seguida rumou para uma praça pública no João Paulo e recorreu ao suicídio com a mesma pistola.

Os policiais que investigam o caso receberam informações de que o vigilante estava desconfiado que o comerciante estava tendo uma caso com a sua companheira, por acaso ex-namorada da vítima. Por isso, a primeira linha de investigação seria crime passional.

O suicida ainda tentou entrar em um ônibus com a pistola na mão, mas o motorista arrancou o veículo e ele foi ao lado onde funciona um conhecido abrigo que fica na Praça São Marçal, no João Paulo.

Existe outra versão que começou a ser estudada: dívidas. Sem maiores informações.

Homem recorre ao suicídio em praça pública do João Paulo

Urgente! Policial Militar recorre ao suicídio no Maranhão

Homem tenta suicídio na Ponte do São Francisco e cai na lama

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.