Desde às 5h da manhã de hoje que um homem conhecido por  Raimundão manteve a esposa e Filho como reféns em sua própria residência. Ocorre que ele não queria se entregar aos policiais para ser devolvido ao sistema penitenciário em função do prazo do indulto do Dias das Mães ter sido extrapolado desde o dia 15 passado. Raimundão estava armado e depois de muitas negociações, os militares invadiram o local e ele atirou contra o próprio peito, morrendo no local, na cidade de Codó. 

Casa aonde aconteceu o crime (Foto: Blog do Marco Silva)

Na hora da invasão nenhum disparo foi efetuado pelos militares, assim como a esposa e os filhos não foram feridos.  A família vinha tentando convencê-lo a voltar para o presídio, com o que Raimundão não concordava. O suicídio  foi cometido na Rua Nossa Senhora Aparecida, no Bairro do São Raimundo.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.