Entre os dias 25 e 28 de julho, a Polícia Civil do Maranhão deflagrou uma operação batizada de “Baixa Travessia”, contra o roubo de energia através de medidores fraudados em cinco municípios do interior do estado.

Foto Divulgação: PCMA

A operação foi deflagrada pelo Departamento de Defesa de Serviços Delegados (DDSD/SEIC) com apoio da Perícia Oficial e da Companhia Equatorial Maranhão. No total, cinco pessoas foram presas e levadas às delegacias para prestarem mais esclarecimentos.

Os alvos da operação foram endereços nas cidades de Maracaçumé, Governador Nunes Freire, Centro do Guilherme, Pinheiro e Luís Domingues, onde as equipes policiais identificaram fraudes nos medidores de energia. No município de Centro do Guilherme, a operação conseguiu apreender 03 transformadores de garimpos clandestinos. Os proprietários não foram encontrados.

Em outro alvo, na cidade de Luís Domingues, a operação policial chegou até a casa do presidente da Câmara Municipal da cidade, onde foi identificada uma fraude e uma dívida de mais de 30 mil reais com a Companhia de Energia. O responsável não foi encontrado em casa, mas a energia no local foi desligada.

Também foram apreendidos materiais pertencentes à Equatorial Maranhão, oriundos de furto como poste, transformador e cabos de energia.

Foto Divulgação: PCMA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

O  Blog do Neto Cruz divulgou um acidente ocorrido em uma rodovia maranhense, nesta segunda-feira (8), ...
Leia Mais
Em mais um bate-papo descontraído o prefeito Luciano conversou com a população de Pinheiro, através de ...
Leia Mais
Um assalto cometido na manhã desta terça-feira (09) na cidade de Rosário, no Maranhão, terminou com três ...
Leia Mais
A Central da Polícia Rodoviária Federal recebeu informações de um grave acidente tipo atropelamento de pedestre, ...
Leia Mais
Rádio Jornal NE 10 O cantor Manoel Gomes, que ficou conhecido pela música "Caneta Azul", revelou ...
Leia Mais
A cidade de Rosário, no Maranhão, vive um clima de insegurança total com vários assaltos registrados ...
Leia Mais

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.