por O Antagonista

Jair Bolsonaro, em entrevista a Leda Nagle, disse estar pronto para visitar Adélio Bispo — que o esfaqueou durante a campanha presidencial — no manicômio judiciário.

“Estou pronto para visitar. Quem sabe ele queira falar alguma coisa.”

O presidente também comentou o trabalho da PF no caso, que, na avaliação dele, ainda não teve um desfecho.

“O processo ainda está em aberto. Concordo que está um pouco demorado, está na hora de apresentar alguma coisa.”

Bolsonaro afirmou, ainda, não querer papo com os advogados do autor do atentado.

“Que coração grande dos advogados em defender o pobre do Adélio. Não quero papo com esses caras.”

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.