Veja.Abril

Taxas do cheque especial partirão de 8,99% ao mês para pessoas físicas e jurídicas; segundo a instituição, a queda é de cerca de 40% na linha de crédito

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quarta-feira, 31, que irá cortar taxas de juros de algumas linhas de crédito, entre elas o cheque especial, capital de giro e empréstimos pessoais. Para o cheque especial, o banco afirmou que a redução será de até 40%.

Os cheque especial partirá de 8,99% ao mês para clientes pessoa física ou jurídica que optar por uma nova cesta básica de serviços do banco, chamada “Caixa Sim”. O pacote estará disponível a partir do dia 19 de agosto.  Para clientes que não optarem pela cesta, o cheque especial partirá de  9,99% ao mês. Segundo o banco, as taxas para cheque especial eram de até 13,45% ao mês, no caso de pessoa física, e de até 14,95% ao mês para pessoa jurídica.

A Caixa anunciou ainda a queda de até 21% nos juros do crédito pessoal. A taxa mínima era de 4,99% ao mês e agora será a partir de 2,29%.

No pacote de medidas também está a isenção da anuidade no cartão de crédito para pessoas físicas. “A isenção de anuidade é importante em um momento de grande competição no mercado bancário, inclusive com a liberação de recursos do FGTS”, disse o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

Na antecipação de recebíveis com cartão de crédito para pessoa jurídica, a taxa será de 1,85%. Também não haverá anuidade no primeiro ano do cartão de crédito para pessoas jurídicas.

Segundo o banco, o objetivo da ação é oferecer linhas de crédito mais vantajosas e que atendam de forma efetiva as necessidades dos clientes do banco, proporcionando rapidez na contratação com um atendimento prioritariamente digital.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.