A Equatorial encaminhou ao Blog uma nota de esclarecimento após postagem sobre a condenação da empresa que terá que indenizar um consumidor no valor de 2 mil reais. O motivo, de acordo com sentença do 1º Juizado Especial Cível e das Relações de Consumo de São Luís, seria a recusa em religar a energia elétrica da residência do autor mesmo após ele ter pago as faturas que haviam vencido. O cliente estava com três faturas em aberto, sendo que a terceira estava apenas com dois dias de vencida.

Foto Divulgação

Abaixo a nota da empresa.

A Equatorial Maranhão informa que já tomou ciência da decisão judicial em questão, e que está avaliando nesse momento a medida a ser adotada, baseada nos artigos 128, II, 172 e 176 da Resolução Normativa 414 da Agência Nacional de Energia – ANEEL.

Assessoria de Imprensa da Equatorial Maranhão

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.