O titular da 23ª Promotoria de Justiça Especializada – 1ª do Controle Externo da Atividade Policial – José Cláudio Cabral Marques, instaurou um procedimento investigatório criminal para apurar possível prática de ato de abuso de autoridade praticado, ainda em tese, pelo Delegado de Polícia Civil da Cidade Operária, João Gabriel Cruz Tersi. A Portaria foi publicada no Diário Eletrônico do Ministério Público desta terça-feira (8). 

Foto Reprodução: PCMA

Protocolada nesta segunda-feira (7), a denúncia, que foi convertida em inquérito, tem como requerente a Universidade Federal do Maranhão (UFMA) que pede correção de uma ‘ilegalidade’ que não foi detalhada.

No SIMP do MPMA, o promotor menciona o recebimento de um ofício da Delegacia Geral da PCMA e pede ao Ministério Público que seja expedida uma Requisição Ministerial ao Delegado Geral André Luís Gossain e a Autoridade Policial Investigada, no caso o delegado João Gabriel, para que informem a Vara na qual encontra-se tramitando o processo judicial que foi questionado na denúncia bem como, encaminhar à 23ª Promotoria de Justiça a cópia da decisão judicial que determinou o sigilo da investigação.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.