A titular 1ª Promotoria de Justiça de Coroatá, promotora Aline Albuquerque Bastos – usando das atribuições que lhe confere o art. 129, II e III da Constituição da República e o art. 26, I da Lei Orgânica Nacional do Ministério Público – resolveu instaurar inquérito civil para investigar suposta fraude na gestão de recursos do Fundo de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Coroatá – COROATÁPREV.

Prefeito Luís Filho

Serão promovidas diligências investigatórias por parte do MPMA para apurar os fatos e caso constatados, uma ação civil pública deve ir contra o Município administrado pelo prefeito Luís da Amovelar Filho, a quem foi imposto o prazo de dez dias para apresentar esclarecimentos,  a contar do último dia 18 de Julho.

Vale lembrar que a Câmara Municipal, através de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, já investiga irregularidades no COROATÁPREV. Os trabalhos da CPI iniciaram em março deste ano.

Confira imagens da primeira sessão onde o advogado Joaylton Soares Veras prestou esclarecimentos.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Neste final de semana, mais um vereador de Paço do Lumiar declarou apoio ao deputado Glalbert ...
Leia Mais
O  Blog do Neto Cruz divulgou um acidente ocorrido em uma rodovia maranhense, nesta segunda-feira (8), ...
Leia Mais
Em mais um bate-papo descontraído o prefeito Luciano conversou com a população de Pinheiro, através de ...
Leia Mais
Um assalto cometido na manhã desta terça-feira (09) na cidade de Rosário, no Maranhão, terminou com três ...
Leia Mais
A Central da Polícia Rodoviária Federal recebeu informações de um grave acidente tipo atropelamento de pedestre, ...
Leia Mais
Rádio Jornal NE 10 O cantor Manoel Gomes, que ficou conhecido pela música "Caneta Azul", revelou ...
Leia Mais

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.