Lindinalva Sousa confessou à polícia ter ingerido bebida alcoólica antes de amamentar a filha, de pouco menos de três meses de idade, e que acabou morrendo nesta sexta-feira (22) na cidade de Itapecuru Mirim.

Mãe da bebê que morreu engasgada

De acordo com o delegado Fabian Kleine o laudo do Instituto Médico Legal (IML) constatou que a criança morreu engasgada com leite materno.

“Eu nem me lembro que tinha deixado ela no peito, acho que ‘agarrei’ no sono e ela ficou mamando. Aí quando eu acordei ela já estava morta”, disse Lindinalva que foi conduzida pela Polícia Militar para a Delegacia Regional onde prestou depoimento. Ela foi liberada após pagar fiança.

O caso segue aos cuidados da Delegacia de Polícia Civil.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.