Na tarde desta sexta-feira, 08, os Policiais Civis reuniram em assembleia geral para definir os novos rumos a serem tomados pela categoria e aprovaram a realização de protestos e atos em reação a não edição e aprovação da Medida Provisória que previa o reescalonamento da Polícia Civil. Com a decisão, os policiais farão movimentos em todo o Estado que terão as datas definidas por uma comissão que se reúne segunda-feira, 11 de abril.

Foto Divulgação

Esta semana, com a saída do ex governador, Flávio Dino, do comando do Estado, a diversas reuniões realizadas com o secretariado de Dino foram classificadas  como manobras para enganar a categoria e protela a solução que estava em negociação.

Entre as pautas definidas no encontro o objetivo é uma intensa mobilização.

A assembleia foi marcada por falas que reforçaram o discurso comum que fomenta a união da categoria para realização de atos ostensivos.

Precisamos nos unir neste momento, para mostrar o que fizeram esses governantes que não nos valorizam enquanto profissionais. Homens e mulheres que arriscam suas vidas enquanto eles estão em seus palácios confortáveis,” destacou o presidente do SINPOL-MA, Klinger Moura.

A previsão do sindicato é que caravanas de Policiais Civis do interior do Estado cheguem para somar nas mobilizações.

Foto Divulgação

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.