A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Assembleia Legislativa do Maranhão elegeu, em sessão extraordinária realizada na tarde desta segunda-feira (28), o deputado Ariston Ribeiro (Republicanos) novo presidente do colegiado. A eleição ocorreu por conta da renúncia do deputado Márcio Honaiser (PDT).

Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Alema

Ariston destacou que pretende executar um trabalho com harmonia e dinamismo. Segundo o parlamentar, o ato de Honaiser merece aplausos dos demais colegas porque visou à unidade do grupo. “Vamos trabalhar com harmonia. A primeira sessão da CCJ sob o nosso comando acontecerá nesta terça-feira (29), às 9h30. Vamos começar a limpar a pauta, pois há muitos projetos e outras matérias a serem apreciadas”, afirmou Ariston.

Márcio Honaiser afirmou que, embora tendo renunciado à presidência, continua membro da CCJ. Ele desejou sucesso ao seu substituto. “Não existe qualquer tipo de ressentimento. Minha renúncia buscou o entendimento e a pacificação”, assegurou.

No entendimento do deputado Wendel Lages (PMN), a eleição de Ariston Ribeiro foi a busca de um ponto de equilíbrio, ressaltando que, a partir de agora, o colegiado trabalhará para votar dezenas de matérias acumuladas.

Ricardo Rios (PDT) também falou em harmonização do grupo e da Assembleia. O mesmo raciocínio teve o deputado Adriano (PV). Na opinião do parlamentar, a Alema entrou nessa linha de entendimento e que o ambiente está sereno e sem turbulências.

Zé Inácio Lula (PT) disse que as conversações resultaram no entendimento para a alteração do comando da CCJ e acrescentou que, agora, o clima está normalizado dentro do Parlamento maranhense.

Formação

A CCJ tem agora a seguinte formação:

Presidente: Ariston Ribeiro (Republicanos)

Titulares: Roberto Costa (MDB), Márcio Honaiser (PDT), Ricardo Rios (PDT). Wendel Lages (PMN), Adriano (PV) e Zé Inácio Lula (PT).

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.