A polícia prendeu ontem  um adolescente conhecido por Gabrielzinho, mas continua na busca de Sávio Gomes de Oliveira, como o responsáveil pelo assassinato do professor universitário da IESF e analista de sistema do Ministério Público do Maranhão, André Arouche Fontoura. Eles mataram o professor no dia 29 de dezembro passado na avenida Jerônimo de Albuquerque, nas proximidade do Roque Santeiro, na entrada de acesso ao bairro Bequimão.

Investigadores da Superintendência informaram que no dia do latrocínio (roubo seguido de morte), o professor acabara de estacionar sua moto no sinal quando os dois elementos se aproximaram também em uma moto Pop e anunciaram o assalto.

Resistindo ao assalto, o professor ainda lutou contra Sávio e ao perceber que ele estava armado, saiu correndo, mas foi perseguido e atingido com um tiro na cabeça. Os dois subiram na moto Pop e abandonaram o veículo nas proximidade do Anil.

Com o menor foi encontrado um revólver calibre 38 e certa quantidade de maconha. Ele foi preso e encaminhado para o Lar Canaã, no Vinhais.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.