Primeiro livro de poemas do jornalista Jorge Abreu, danações (com todas as letras minúsculas mesmo) será lançado na sexta-feira (23), às 18 horas, no Centro de Criatividade Odylo Costa, filho (Praia Grande). A promoção é da Livraria Saci Pererê, da bibliotecária Rosa Maria Ferreira Lima. 


Publicado pela Editora Trevo, de São Paulo, em outubro de 2018, danações tem poemas que questionam os excessos da vida virtual e exaltam as suas maravilhas; e que falam de amor, paixão, do ofício de escrever poesia e outros temas.

“Vejo a poesia como um exorcismo. Através da arte de escrever poemas, libero meus fantasmas, minhas angústias, meus medos”, diz Jorge Abreu. “A minha grande fonte de inspiração é a vida e os seus acontecimentos”, acrescenta o poeta.

“O livro aborda com previsão e inspiração o tormentoso e delicioso Século XXI”, destaca Rubem Milhomem, poeta que escreveu o posfácio de danações. “É uma poesia visceral”, resume o jornalista maranhense radicado em Brasília Antônio Carlos Lima.

Do lançamento de danações, participarão o músico e cantor Caetano Saul; a bailarina Alicia Saul; a atriz, professora de Teatro, bonequeira e diretora teatral Silvana Cartagenes; e o mímico Gilson César.

Jorge Abreu é maranhense de São Luís, formado em jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA); trabalhou em redações de jornais e em emissoras de TV na capital maranhense e em Brasília. Atualmente, reside em Barra do Corda.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.