A Vara da Infância e da Juventude de Imperatriz e a Guarda Municipal realizaram uma fiscalização nos bares na Avenida Beira-Rio, em Imperatriz, no último sábado (25) e três estabelecimentos foram autuados por descumprirem normas do ECA e da Vara da Infância e Juventude: o Del Lagoa, Ponto da Gelada e El Chapo. Este primeiro foi cenário de um assassinato em julho deste ano.

Momento em que o médico Bruno Calaça é baleado e morto no Del Lagoa em Imperatriz

Foi no Del Lagoa que o médico Bruno Calaça Barbosa, de 24 anos, na madrugada do dia 24 de julho, foi morto a tiros pelo soldado da policial militar Adonias Sadda. (Reveja)

Ocorre que, na fiscalização realizada neste fim de semana por comissários de Justiça efetivos da Vara da Infância e da Juventude, foi constatado que o local descumpriu as normas do Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990), bem como da Portaria 02/2018 da Vara, que regulamenta o acesso, permanência e a participação de crianças e adolescentes desacompanhados dos pais ou responsáveis legais em locais onde há festas, venda e consumo de bebida alcoólica e jogos.

As ações de fiscalização em bares e locais de eventos estão sendo feitas por setores da cidade e serão intensificadas nos próximos dias, anunciou o comissariado.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.