O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), deve se afastar do cargo por dez dias. O motivo da licença é a cirurgia de sua filha, a governadora do Maranhão Roseana Sarney (PMDB), para a retirada de um aneurisma cerebral. O comando da Casa será entregue ao vice-presidente, Marconi Perillo (PSDB-GO).

A assessoria de Sarney não confirma a duração nem quando o afastamento terá início, mas a expectativa é que seja oficializado nesta segunda-feira porque Roseana será internada amanhã –o procedimento cirúrgico está marcado para quinta-feira.

Com a licença de Sarney, Perillo terá que administrar a votação de três medidas provisórias que trancam a pauta da Casa. A mais polêmica é a MP 458/09, conhecida como MP da Amazônia, que permite a União transferir, sem licitação, terras de sua propriedade na Amazônia Legal, até 1.500 hectares, a quem detinha sua posse antes de 1º de dezembro de 2004. A medida recebe forte críticas dos ambientalistas.

Tratamento

Roseana comemora hoje seu aniversário de 56 anos. Desde quinta-feira, ela está na capital federal. Na semana passada, a governadora chegou a se encontrar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Por causa da cirurgia, a previsão é que a governadora fique afastada de suas atividades por cerca de 25 dias. Durante a licença de Roseana, o vice-governador João Alberto (PMDB) assumirá o comando do Estado.

Roseana assumiu o governo do Maranhão no último 17 de abril por decisão do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que cassou o mandato do então governador Jackson Lago (PDT). A cirurgia da governadora já estava programada desde antes da decisão do TSE.

Com informações da Folha Online

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.