Feminicídio avança! Homem mata esposa junto com amante e tenta se suicidar nas proximidades do Castelão

No final desta tarde foi registrado um duplo homicídio seguido de uma tentativa de suicídio. Um homem identificado como Marcos Rone de Albuquerque Morais, estava seguindo a esposa que se encontrava no  Estádio Castelã,  com o suposto amante.

O homem desceu de seu veículo, e abordou a mulher e o outro homem, no calor da discussão, ele disparou contra o amante, logo em seguida, efetuou um disparo contra a mulher. Ela ainda foi socorrida por testemunhas, porém, Marcos ao perceber que a mulher ainda tinha vida, voltou e efetuou outros disparos na frente de várias pessoas.

Marcos após ter matado a mulher, efetuou um disparo contra a própria cabeça. Ele foi socorrido com vida e levado por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado ao Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

URGENTE! Assassino que matou ex-mulher grávida com 56 facadas em São Luís é preso na fronteira com o Piauí

Francisco das Chagas foi preso ontem em Timon, quando atravessava para a cidade de Teresina, no Piauí. Ele matou a ex-esposa no dia 5 deste, no Coroado, com 56 facadas e fugiu. Ela estava grávida de um relacionamento mais recente. Este foi o terceiro caso de feminicídio na capital em menos de uma semana.

No momento da prisão, ele confessou que matou Celiane Pereira Alves, na última quinta-feira, dia 05. Francisco das Chagas deve ser transferido da Delegacia Regional de Timon para a Delegacia da Mulher em São Luís nesta segunda-feira, dia 09.

Já existe aqui na capital prisão preventiva decretada contra o assassino em atendimento ao pedido da delegada do Departamento de Feminicídio da SHPP, Viviane Azambuja. O decreto de prisão foi assinado pela juíza Rosaria Duarte.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Mulher que foi sequestrada e baleada no motel permanece sem leito na UTI do Socorrão I

Weslayne Correia foi baleada ontem (05) dentro do motel Wall Street, na Areinha pelo ex-companheiro Eliezer, que inconformado com o final do relacionamento, também a sequestrou quando ela se deslocava para buscar o filho na escola. A jovem foi encaminhada em estado grave para o hospital Socorrão I, onde permanece à espera de um leito na UTI. 

A paciente encontra-se em um leito comum, por falta de leito disponível na UTI do Socorrão. O estado de saúde de Weslayne é gravíssimo, requer cuidados especiais e assistência médica 24h, algo que ela não pode ter por falta de um leito na UTI.

A jovem está respirando por aparelhos e lutando pela vida em um leito o qual não é o adequado para o seu estado de saúde.

Urgente! Mulher sequestrada pelo ex é baleada na cabeça dentro de motel na Areinha

Sequestro em motel na Areinha; polícia diz que sequestrador pede a presença da imprensa

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Urgente! Mulher sequestrada pelo ex é baleada na cabeça dentro de motel na Areinha

O ex-marido que levou na marra a ex-esposa para o motel Wall Street, na Areinha,  chamou a atenção quando passou a espancá-la pelo fato dele não ceder seus caprichos e não aceitar o retorno da relação, chegou ao Socorrão I baleada na cabeça. Esse foi o segundo crime de feminicídio cometido hoje em São Luís.

A ex-mulher começou a gritar quando ele passou para agressões físicas. Os funcionários do motel chamaram a polícia. O homem queria a imprensa para se entregar. Após muitas negociações, ele se entregou, mas a ex-esposa estava baleada na cabeça.

Levada ao Socorrão, continua com vida, mas em estado grave. O homem foi levado preso. O primeiro caso de crime contra a mulher na capital aconteceu no Coroadinho, quando o ex-marido a seguiu a mulher e matou.

Sequestro em motel na Areinha; polícia diz que sequestrador pede a presença da imprensa

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Homem mata a ex-companheira em São Luís hoje, na Semana da Mulher

Menos de 24h do Dia Internacional da Mulher, amanhã, 08 de março, um homem matou hoje pela manhã suposta sua ex-companheira (ainda não identificada) à facadas no local de trabalho dela, numa banca de bombons, ao lado do Supermercados Mateus, na Cohab. No começo espalharam que tinha sido latrocínio, roubo seguido de morte, mas uma amiga da vítima reconheceu o ex-marido. Ela faleceu dentro da ambulância, a caminho do hospital.

Testemunhas que presenciaram o fato disseram que o assassino nem conversou, foi logo puxando a faca e aplicando golpes na vítima. Assim, vai aumentando o número de mulheres mortas ou agredidas por homens em nossa capital.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Homem estuprou e depois matou a parente em São Luís, mas foi linchado e morto por populares

Antes de matar por estrangulamento a jovem estudante de Enfermagem, Rayane dos Remédios Costa Rodrigues, o primo dela João Carlos Pereira a estuprou na casa ao lado da que estava hospedado. Ela foi assassinada no banheiro, no bairro do Coroadinho, no Alto São Sebastião, e quando se preparava para fugir foi linchado e morto por populares, na manhã de ontem, terça-feira, dia 13. 

Conforme imagens abaixo da TV Difusora, ele foi apedrejado e morto a pauladas pelos populares quando souberam que a jovem havia sido estrangulada. Pereira havia arrumado a mala e iria voltar para a cidade de Pinheiro.

Rayane foi assassinada pelo primo na madrugada de ontem e ele foi linchado e morto por populares já no período da manhã.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Solto ex-tenente que matou universitária maranhense em Teresina

Já encontra-se em liberdade o ex-tenente do Exército José Ricardo da Silva Neto, que confessou ter atirado e assassinado a universitária maranhense Iarla Lima Barbosa , 25 anos, na Zona Leste de Teresina, em 19 de junho do ano passado. Na época, ele era tenente das Forças Armadas e ainda atirou na irmã da vítima, que saiu ferida e numa outra colega dela.

A decisão pela soltura foi determinada pelo juiz Antônio Noleto, da 1ª Vara do Tribunal do Júri do Piauí. O assassino não pode se ausentar temporariamente do município e terá que comparecer aos atos do processo quando for intimado. Ele também ficou proibido de frequentar casas noturnas.

Mesmo o crime sendo considerado feminicídio e praticado de forma cruel, com requintes de perversidade, o juiz se baseou no bom comportamento do assassino durante poucos mais de seis meses que ele passou preso para determinar a soltura, assim como o fato de ter bons antecedentes.

Em 19 de junho de 2017, durante a madrugada, o então tenente e Iarla, com quem ele namorava faziam uma semana de namoro, saíam de um bar e mais duas jovens ( a irmã e uma amiga). Houve uma forte discussão entre eles, quando o militar sacou de uma arma 380 e atirou nela e nas duas.

Natural de Eugênio Barros no Maranhão, a jovem fazia universidade em Teresina e estava residindo em Timon. A família dela não gostou da soltura do criminoso, mas o promotor do caso disse que vai recorrer.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Hóspede tenta estuprar, mata recepcionista em hotel, e é linchado até a morte no Maranhão

O fato aconteceu por volta das 4 horas da madrugada de hoje, sábado, dia 18 deste, no Hotel da Neide, ao lado da Rodoviária de Santa Inês. Um hóspede tentou estuprar a recepcionista e não conseguindo seu intento, acabou matando a mulher com três facadas. Quando ele tentava fugir, populares fizeram o linchamento até a morte.

O crime contra a recepcionista, com requintes de perversidade, revoltou os populares que estavam na porta do hotel e nas proximidades da rodoviária daquela cidade, que regiram a mataram o criminoso com pedradas.

Os assassinatos contra mulheres estão crescendo bastante no Maranhão, notadamente na capital que já registrou mais de 20 vítimas só neste ano.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Projeto de Weverton Rocha agrava a pena em casos de feminicídio

O deputado federal Weverton Rocha (PDT-MA) defendeu penas mais duras para quem pratica feminicídio. Em entrevista ao programa Hora D, da TV Difusora nesta segunda-feira (13), ele lembrou seu projeto de lei que muda o Código Penal para aumentar a pena de um terço à metade, em casos com agravantes. O projeto já foi aprovado pela Câmara dos Deputados e tramita agora no Senado Federal.

“No Dia Estadual de Combate ao Feminicídio, temos que chamar a atenção para o problema e buscar soluções tanto na punição aos culpados, como na prevenção, por meio da conscientização para o respeito à mulher”, comentou o deputado ao deixar o programa.

O projeto de lei de Weverton Rocha prevê o agravamento da pena em casos de o feminicídio ser praticado contra mulher menor de 14 anos, maior de 60 anos, com deficiência ou portadora de doença degenerativa que a torne mais vulnerável; na presença física ou virtual de ascendente ou descendente da vítima;ou em descumprimento de medida protetiva. “A expectativa é que a pena maior possa coibir a prática do feminicídio. Este tipo de crime hediondo, covarde, não deve acontecer”, disse.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Avô de Alanna diz que assassino via demônios dentro de casa

A mãe de Alanna Ludimila, Jacieane Borges, havia informado para a polícia que o ex-padrasto que estuprou e matou a menor, estava tendo surtos psicóticos e tinha alucinações. O avô materno falou em entrevista ao jornal O Estado do Maranhão que Robert Serejo de Oliveira  olhava até o Satanás.

Porém, essas informações não são confirmadas por amigos e familiares do assassino. Ao avô, Alanna havia dito que Serejo implicava com ela constantemente, nos últimos meses.

Ainda preso em cela isolada em Pedrinhas, a polícia estuda a transferência do assassino para um local que possa garantir a sua integridade física, em função da revolta que existe hoje entre os presidiários, pois os detentos não toleram estupradores, principalmente quando o caso se trata de crianças.

Polícia vai tomar o depoimento do assassino amanhã, terça-feira (07), para checar algumas informações sobre a participação de outras pessoas sobre a cobertura de fugas de Robert, onde ele permaneceu abrigado enquanto estava foragido e quem o ajudou a enterrar o corpo da menor no quintal.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Ex-secretário de Madeira em Imperatriz atira em mulher e depois comete suicídio

Bastante conhecido em Imperatriz como Chico Planalto (foto abaixo) atirou agora à tarde em uma mulher e depois recorreu ao suicídio com a mesma arma, na praça da Viola, em Imperatriz. Ele foi superintendente da Defesa Civil, por oito anos na gestão de Sebastião Madeira, e por oito meses na gestão de Assis Ramos, sendo exonerado no dia 23 de setembro passado.   Aguardem novas informações. 

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Homem que matou mulher no Eco Park 3, no Anil, alegou traição na hora em que foi preso

Identificado por um amigo como funcionário do Ministério Público, o homem que matou ontem a esposa com cinco facadas, no Eco Park 3, no Anil, justificou sua motivação por conta de traição. Segundo ele, um motorista que os conduziu de volta do Wang Park até ao Anil ouviu a mulher dizendo que o marido era “corno”.

Ele contou aos policiais que  a mulher vinha dizendo que estava tendo um caso com um traficante e que fazia sexo com ele. Falou ainda que quando chegou no apartamento ela não teria parado de falar a mesma coisa.

Então ele conta que não aguentou e a matou a facadas. O homicida era conhecido como concurseiro, já tendo passado em oito concursos.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.