Viviane Batista Marques, de 31 anos, foi morta com um golpe de faca, no último dia 10 na cidade de Bacabeira. Foi o que concluiu a perícia feita por técnicos da Polícia Civil do Maranhão. O corpo dela foi encontrado nas proximidades da cidade de Vargem Grande na última sexta-feira (15).

Foto Reprodução

O subtenente do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), Mário Sérgio Jardim, marido de Viviane confessou o crime após ser preso.

O casal teria brigado na noite anterior ao assassinato e Viviane chegou a ser espancada pelo marido. Ela teria buscado abrigo na casa de uma irmã.

Após a prisão, o sub-tenente Mário, em depoimento na Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), confessou o crime. Ele vai responder por feminicídio e ocultação de cadáver.

O oficial é lotado no Colégio Militar de Rosário. Por ser militar cumpre prisão temporária no Comando-Geral do CBMMA, em São Luís. A Justiça deve pedir a preventiva.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.