A Polícia Civil do Maranhão cumpriu nesta segunda-feira (7) um mandado de prisão definitiva contra um servidor público que foi condenado a pena de 13 anos, 3 meses e 22 dias de prisão pela prática do crime de estupro de vulnerável ocorrido na cidade de Imperatriz.

Foto Ilustrativa

A prisão do acusado, que não teve o nome divulgado, foi realizada pelo Grupo de Pronto Emprego (GPE) da 10° Delegacia Regional.

De acordo com as investigações, a vítima é do ciclo familiar do infrator e possuía 10 anos à época. Os atos libidinosos ocorreram durante o ano de 2016, sendo descobertos somente no início do ano de 2017.

O servidor público foi preso no seu local de trabalho e encaminhado à Delegacia Regional de Imperatriz ficando preso à disposição da Justiça.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.