Candidata do presidenciável, Maura Jorge ocupa a terceira colocação no Ibope. Estado é o mais dependente do Bolsa Família em todo o país

Contrariando a pecha de machista e misógino, colocada por adversários para desfavorecê-lo na disputa pela Presidência da República, principalmente diante do avanço da campanha #elenão nas redes sociais, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) aposta na força e no charme de uma mulher para destronar um comunista do poder no Nordeste, única região do país em que ele não é líder em intenções de voto, e exatamente do estado mais dependente do Bolsa Família e adorador do ex-presidente Lula dentre todos da federação, o Maranhão.

Trata-se da deputada estadual e ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge (PSL). “É melhor já ir se acostumando com a nova governadora do Maranhão”, declarou ele em meados de junho último, quando esteve no estado para evento de lançamento de pré-candidatura da aliada.

A MULHER E O MITOJair Bolsonaro apoia uma mulher para tirar do poder o único governador comunista do Brasil

De acordo com o Ibope, nas duas pesquisas já realizadas, mesmo com pouco tempo de propaganda e uma campanha de recursos tímidos, ela aparece como terceira colocada nas intenções de voto, a frente de candidatos como Roberto Rocha (PSDB), e atrás apenas de Flávio Dino (PCdoB), que busca a reeleição, e Roseana Sarney (MDB), que tenta ser governadora pela quinta vez.

Assim como ocorre com o capitão reformado do Exército, apesar de ser no Maranhão, onde — segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) referente a 2015, divulgados no fim do ano passado pelo IBGE — o acesso a internet ainda é o menor do Brasil, grande parte do crescimento de Maura nas pesquisas pode ser atribuído principalmente a forte militância e simpatizantes que a candidata possuí nas redes sociais.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.