O estado de saúde de Gael Peres, de apenas seis meses de idade, é considerado gravíssimo. O bebê foi envenenado pelo ex-marido da mãe dele na cidade de Magalhães de Almeida, no Maranhão, no último fim de semana, e ontem testou positivo  para a covid-19. O homem encontra-se preso na Delegacia de  Chapadinha.

Hospital onde está internado o pequeno Gael

O menino está internado no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde – HEDA, em Parnaíba.

Segundo relatou a mãe da criança, que não estava na casa no momento do crime, o bebê dormia no quarto com uma irmã e o acusado aproveitou a ausência dela. Ao chegar encontrou chumbinho próximo da criança. “Quando eu cheguei lá fora, o Gael chorou. Só que ele estava dormindo bem. Quando ele chorou, que eu volto, ele estava acordado e vi um pó preto nele tipo café, só que não era café, era tipo granulado. Então eu fui lá, lavei ele, só que tinha um cheiro estranho. Levei ele para o hospital e o rapaz falou que parecia chumbinho”, disse ela.

O ex-marido não aceitava o fim do casamento e foi visto saindo da casa por uma testemunha no dia do ocorrido.

“A criança é fruto de um relacionamento extraconjugal. Então isso seria em tese o motivo que levou o suspeito a envenenar o bebê. Ele negou que tivesse envolvimento, mas tem testemunha que disse que viu ele se evadindo do local pelos fundos da residência da mãe da criança e em razão disso foi feito o flagrante e foi homologado pelo poder judiciário”, disse o delegado Alex Rêgo responsável pelo caso.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.