Meio Norte

O empresário Manoel Honorato Nascimento Filho, esposo da professora Noélia Maranhão, vítima da Covid-19 no último sábado (5), morreu nesta terça-feira (08) após não resistir as complicações da doença. Ele estava internado há dias em um hospital de Teresina. Manoel Honorato é pai da estudante Bianca Maranhão, de 24 anos, que também faleceu em decorrência do coronavírus.

Foto Reprodução

A informação foi confirmada pela filha Maria Clara, em suas redes sociais. Manoel Honorato era sócio das filhas em uma papelaria virtual em que as duas eram proprietárias. “É com imenso pesar que eu Maria Clara comunico o falecimento do meu sócio e pai Manoel Honorato Nascimento Filho. Manoel sempre será lembrado por sua alegria, responsabilidade, cuidado para com a loja. Agradecemos a todos que sempre nos apoiaram e confiaram no nosso trabalho”, diz trecho do comunicado na página da loja.

Nos comentários, muitos amigos e conhecidos deixaram mensagens de apoio à filha e seus familiares neste momento de luto. “Maria Clara deixamos aqui nosso carinho . Sem palavras nesse momento é só pedir que o Consolo do nosso Deus esteja sobre sua vida . E estamos aqui para o que precisar”, escreveu um seguidor. “Que Deus te dê muita força e proteção”, disse outro.

Professora Noélia Maranhão

Noélia Maranhão, de 58 anos, morreu no sábado (05) após 10 dias do falecimento da filha, a estudante de nutrição Bianca Maranhão, de 24 anos, vítima da mesma doença. A educadora foi diretora das escolas Valter Alencar, Deoclécio Dantas e José Omatti, da rede municipal de ensino da capital. Em nota, a Secretaria Municipal de Educação (SEMEC) lamentou a morte da servidora, que prestou seus serviços por anos com muita maestria.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.