O presidente da Conass e secretário de Saúde do Estado do Maranhão, Carlos Lula, informou hoje (8), em entrevista ao Bom Dia Mirante, que as previsões para a vacinação contra a Covid-19 não são nada animadoras. “É possível que tenhamos um apagão nas vacinas em função da falta do imunizante no mundo”, alertou Lula, ao lembrar que aqui no Brasil o Instituto Fiocruz já reclama da falta de vacinas, assim como o Instituto Butatan que tem o estoque reduzido por causa dos insumos que estão em falta.

Foto Reprodução

Ontem (7), a Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou um boletim epidemiológico mostrando que somente nas últimas 24h, o Maranhão registrou 48 mortes pela Covid-19. Um recorde para o Estado que já totaliza 246.665 casos confirmados da doença e 6.369 óbitos desde o início da pandemia.

Os 48 novos óbitos foram registrados nas cidades de Imperatriz (6), São Luís (6), Timon (4), Santa Inês (3), Bacabal (3), Açailândia (3), Itapecuru-Mirim (2), Tasso Fragoso (2), Viana (2), Codó (2), Chapadinha (1), Zé Doca (1), Igarapé do Meio (1), Vargem Grande (1), Grajaú (1), Alto Alegre do Pindaré (1), Gonçalves Dias (1), Vitória do Mearim (1), Bom Jardim (1), Fortaleza dos Nogueiras (1), Paço do Lumiar (1), Pastos Bons (1), Bom Jesus das Selvas (1), Tutóia (1) e João Lisboa (1).

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.