O comandante da PM, coronel Pereira, reuniu hoje a cúpula da tropa para condecorar os dois soldados Herbeth de Jesus e Danilo Pestana que ontem (18) entraram no lamaçal e retiraram uma criança que estava atolada até o pescoço depois que foi arremessada do alto da Ponte do São Francisco pela própria mãe, Carla Regina Mendes Pereira. A criança foi levada ao Socorrão I e não teve fraturas ou ferimentos. Um MILAGRE de DEUS! Disseram os servidores do hospital.

De folga, os dois militares passavam pela ponte de motocicleta vindos de uma partida de futebol quando viram a cena. Desceram imediatamente e como a maré estava rasa, ouviram um choro de criança. Era o bebê atolado na lama. Eles não hesitaram e foram até ao socorro do menino.

Considerados desde ontem como heróis por salvarem uma vida humana de apenas sete meses, receberam hoje a Medalha do “Mérito Operacional”, o que lhes permitem sair com a vantagem de 60% a cada promoção que ganharem durante todo o tempo na PM.

O coronel Pereira lembrou que “somos policiais 24 horas e a qualquer momento estamos preparados”. Ele fez a entrega das medalhas dizendo que estava orgulhoso das ação dos PMs.  A dupla de soldados pertence ao Batalhão Tiradentes.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.