O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) avaliou os resultados de 2018 e apresentou números impressionantes sobre o crescimento e a falência das empresas brasileiras no mundo digital.

Num ano em que o cenário internacional destacava o aparecimento de 23% novas empresas online no mundo, o Brasil constata que, das muitas empresas digitais nascidas no seio do país, 60% acabaram por fechar ao final de um ano, sendo que o número acresce para 80% quando considerado o primeiro ano e meio. Este índice revela a tendência para as empresas falirem ainda na fase de lançamento da marca e preocupa o Brasil.

Sendo uma das alternativas dos brasileiros, que tentam fugir à crise e ao cenário de recessão econômica sentido no país e que tem gerado situações de desemprego e precariedade; as lojas online surgem com relativa rapidez e em grande número mas demonstram igual tendência para sucumbir perante as lógicas da economia atual. Muitas destas empresas não conseguem, pois, o destaque necessário para apelar aos seus públicos, por entre a cerrada concorrência que existe na atualidade.

Alguns dos aspetos apontados como potenciadores da falência destas empresas são a falta de conhecimentos relativos à criação da identidade da marca e ao e-marketing: aspetos fundamentais para conseguir que uma marca nova tenha sucesso e que podem ser conquistados com maior facilidade recorrendo a produtos e recursos especializados.

Embora os números da SEBRAE sejam preocupantes, a verdade é que esta é uma realidade contrariável com os aliados certos e existem marcas que o comprovam.

Atingir o sucesso com uma loja online nos tempos atuais

Para que uma loja online possa ter sucesso, é fundamental que se sigam algumas regras no momento da sua criação e que se confie em parceiros especializados ao longo do tempo de atividade.

Para começar, na criação de uma identidade de marca forte, é necessário que se tenham em conta os aspetos que irão conferir unicidade à marca. Neste campo, um bom gerador de nome, de logótipo ou de slogan poderá ser fundamental, já que estes serão aspetos que criarão a relação entre a marca e o seu público e permitirão que esta marca se distinga de todas as outras, conquistando um lugar de relevo por entre as inúmeras marcas que todos os dias despontam no mundo online.

Estes elementos são fundamentais para que uma marca possa transmitir ao público a sensação de interesse mas também de confiança, de credibilidade e de pertinência. Estes aspetos são, pois, o que faz a diferença hoje em dia, trazendo clientes para um espaço digital.

Além disso, um criador de uma loja online não pode, em momento algum, esquecer-se de seguir as tendências ou esquecer a necessidade de promover a sua marca nas redes sociais. A falta de investimento em publicidade e uma má gestão da mídia social pode, também, gerar situações de falência para as novas empresas digitais.
Perante as lógicas do mercado digital, uma ação ancorada na promoção da marca é essencial para que se contrariem os números apresentados pela SEBRAE.

Empresas digitais que tiveram sucesso no Brasil

Quando se fala num índice de falência de 80% em ano e meio, parece quase impossível que se contrarie a tendência e se crie uma marca que ultrapasse, de forma efetiva, esta temporalidade, rumo ao sucesso.
De facto, as lojas online não são simples de gerir e de manter mas isto não significa que seja impossível conquistar o sucesso com as estruturas de e-commerce.

Existem, no mercado online brasileiro, exemplos claros de como é possível ser bem sucedido e, pela internet, surgem várias formas de o fazer com maior simplicidade e com o apoio de entidades válidas e competentes.

Formas de gestão logística como o Dropshipping são um bom exemplo de soluções que muitas lojas têm encontrado para garantirem o seu posicionamento no mercado, com maior tempo para a divulgação da marca e menos preocupações com o investimento inicial. A melhoria dos serviços prestados torna-se possível com o apoio deste tipo de estrutura e com parceiros de confiança.

Assim, mesmo perante os números preocupantes que a SEBRAE apresentou, a verdade é que se continua a assistir ao sucesso de algumas marcas online brasileiras.

No Brasil, lojas online como a Dafiti ou a Netshoes são bons exemplos de casos de sucesso com vendas em plataformas de e-commerce e que provam que é perfeitamente possível obter o sucesso pretendido com uma boa gestão e uma forte aposta em ferramentas de e-marketing adequadas aos tempos atuais.

Embora possa ser complexo obter o êxito desejado por entre a concorrência atual, podemos concluir, desta forma, que esta não é uma realidade impossível. Com a motivação certa e a melhor estratégia, é possível fazer parte dos 20% de empresas que chega, efetivamente, a um lugar de sucesso.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.