O projeto Saúde na Comunidade realizou, neste último fim de semana, a sua 17ª edição no bairro da Cidade Olímpica.

Criado pelo vereador Genival Alves (PRTB), a iniciativa, a exemplo do que já ocorreu em outras localidades de São Luís, levou gratuitamente para população serviços variados na área da saúde, além de ações educativas e de assistência social.

As atividades, que contam com a parceria da Prefeitura, foram desenvolvidas na UEB Jornalista Ribamar Bogéa e reuniu milhares de pessoas.

Na Carreta da Saúde (veículo climatizado, adaptado e que foi adquirido pelo próprio vereador), os moradores tiveram acesso a consultas médicas, odontológicas, aplicação de flúor e ainda receberam medicamentos, por exemplo.

Nas dependências da UEB, outros serviços foram disponibilizados, tais como vacinação, aferição da pressão arterial, testes médicos rápidos, preventivos, oficinas educativas para crianças, dentre outras.

O grupamento dos Bombeiros Militares Mirins também participou da nova edição do projeto.

“Gostei muito. Pude me consultar e ainda recebi medicação. Tudo de graça. O vereador Genival Alves está de parabéns em realizar este projeto que está levando para todos os bairros de São Luís saúde de qualidade”, afirmou a dona de casa Ana Maria Feitosa.

Avaliação semelhante fez Luciana Castelo Branco, também moradora da Cidade Olímpica.

“Esse projeto aproxima o setor da saúde do morador. Além disso, os serviços são oferecidos no fim de semana, que é um período bom porque toda família está em casa. Agradeço a iniciativa do Genival”.

Genival Alves recebeu várias demonstrações de apoio e de agradecimento. De acordo com o parlamentar, o Saúde na Comunidade e a Carreta da Saúde foram criados com o único objetivo de beneficiar o cidadão ludovicense, em especial o mais carante.

“Estou fazendo minha parte e isso me dá muita alegria. Ver os sorrisos nos rostos, receber um abraço de agradecimento, isso não tem preço. Me realizo em poder estar contribuindo para oferecer uma melhor qualidade de vida para aqueles que são mais carentes”, disse.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.