O advogado João Watson Coelho de Sousa, de 62 anos, desapareceu nas águas do Rio Maracu, em Cajari, na Baixada Maranhense, no último sábado (26). A caminhonete que ele dirigia derrubou a mureta de proteção do cais e caiu na água e foi submergido.

Foto Reprodução

O corpo de Watson só foi encontrado por equipes de buscas e resgate do Corpo de Bombeiros ontem de manhã dentro da caminhonete no fundo do rio.

Foto Reprodução

O advogado era assessor jurídico do desembargador do TJMA, Lourival Serejo e primo do prefeito de Cajari, Constâncio Sousa.

O Tribunal de Justiça e a OAB-MA lamentaram o ocorrido.

Confira abaixo.

NOTA TJMA

O Presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, Desembargador Lourival Serejo, em nome dos demais desembargadores membros da Corte, vem externar profundo pesar pela perda do servidor do Poder Judiciário, João Watson Coelho de Sousa.

O presidente do TJMA presta condolências, expressando os mais sinceros pêsames, solidarizando-se com todos os familiares do servidor, desejando conforto e serenidade em momento tão difícil de imensurável perda.

João Watson Coelho de Sousa exercia a função de assessor jurídico do gabinete do desembargador Lourival Serejo e sempre teve conduta exemplar no exercício de suas atividades profissionais enquanto servidor do Poder Judiciário do Maranhão.

NOTA OAB-MA

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Maranhão (OAB/MA), solidariza-se com a classe advocatícia, os familiares, amigos do advogado, João Watson Coelho de Sousa (OAB- 3846), falecido hoje, 27/03, vítima de um acidente de carro, no município de Cajari.

Profissional atuante e que muito contribuiu para advocacia maranhense. A OAB/MA vem por meio desta, neste momento de dor e consternação, solidarizar-se aos seus familiares e amigos enlutados.

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.